Atividade econômica tem alta de 0,69%, em junho

A atividade econômica brasileira registrou alta de 0,69% em junho, na comparação com maio, de acordo com dados divulgados hoje (15) pelo Banco Central (BC). Esse dado é dessazonalizado, ou seja, desconsidera diferenças de feriados e de oscilações da atividade econômica, típicas de determinadas épocas do ano.

Na comparação com junho do ano passado, o indicador apresentou crescimento de 3,09%. No segundo trimestre de 2022, a alta ficou em 0,57% (resultado dessazonalizado), isso na comparação com o trimestre anterior. Na comparação com o mesmo trimestre do ano passado, o índice apresentou alta de 2,96%.

No acumulado do ano, o Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br) acumula alta de 2,24%. Em 12 meses, o IBC-Br registrou expansão de 2,18%.

O crescimento ocorre após dois meses seguidos de recuo. De acordo com dados revisados, em maio, na comparação com abril, o indicador apresentou queda de 0,26%. Em abril, na comparação com março, o IBC-Br apresentou um recuo de 0,52%.

O IBC-Br é uma forma de avaliar a evolução da atividade econômica brasileira e ajuda o BC a tomar decisões sobre a taxa básica de juros, a Selic, definida atualmente em 13,75% ao ano.

O indicador incorpora informações sobre o nível de atividade dos três setores da economia: a indústria, o comércio e os serviços e a agropecuária, além do volume de impostos.

(Agência Brasil)

Piso salarial de agentes de saúde do Ceará será sancionado em cerimônia nesta terça-feira

Nesta terça-feira,16, em cerimônia no Palácio da Abolição, a governadora Izolda Cela sanciona a lei estadual que implementa o piso de dois salários mínimos para os agentes comunitários de saúde (ACS) no âmbito do poder executivo estadual. 

O texto foi aprovado pela Assembleia Legislativa do Ceará no último dia 10. 

Na ocasião da sanção da lei, além da governadora, estarão presentes o secretário da Saúde do Ceará, Carlos Hilton Soares, prefeitos, deputados, e gestores da saúde estadual e representantes da categoria. 

Serviço:

Sanção do piso salarial dos agentes comunitários de saúde
Data: 16/8/2022
Horário: 9 horas
Local: Palácio da Abolição (entrada pela Rua Silva Paulet, 400 – Meireles)

Segundo relatório, número de investidores de criptomoedas deve dobrar ainda este ano

O mercado de criptomoedas como um todo ainda passa por um momento de fixação e experimentação no Brasil e no mundo. De forma geral o cenário parece muito promissor, com boas empresas liderando a indústria e inovando nos serviços. Segundo o “Relatório Blockchain – Latam 2022”, encomendado pela Sherlock Communications, a quantidade de investidores de criptomoedas brasileiros pode dobrar durante o ano de 2022.

De acordo com a pesquisa, cerca de 13% da população brasileira já tem investimentos em criptomoedas. Além disso, outros 25% dos entrevistados esperam comprar criptomoedas nos próximos 12 meses. Esse número representa um aumento de 91% em relação aos pouco mais de 13% da população que já compraram uma moeda digital.

Assim como o Brasil, outros países da américa latina apresentam uma alta ao tratar do tema. Ainda segundo os dados, a Colômbia é o segundo maior (22,3%) de pessoas que esperam ainda até o próximo ano comprar a moeda digital ou token.

“A ideia de comprar criptomoedas já parece estar bem aceita entre diversos segmentos e a entrada de grandes instituições tradicionais no mercado ajuda a demonstrar isso. Vejo o crescimento de forma otimista e positiva conforme o uso destes produtos acompanha a especulação. Todos querem comprar, poucos ainda sabem que podem usar”, disse a responsável pelo marketing da FoxBit, Karen Maggian.

Mesmo com a alta nos dados no Brasil, a velocidade da taxa de adoção é ainda mais rápida em outras partes da região. Países como, Peru (12%), Mexico (16,9), Argentina (18,4) e Chile (5,2), deverão comprar criptomoedas até o próximo ano.

“A desestatização do dinheiro, por si só, já é algo extremamente positivo para qualquer economia. Enquanto o dinheiro ainda estiver vinculado com decisões políticas, a economia é frágil e vulnerável a más decisões de uma ou outra pessoa, afetando a vida de milhões. Além disso, as outras aplicações de criptomoedas fomentam a descentralização e a competição de livre mercado, não só em relação ao dinheiro e aos bancos centrais, mas também a empréstimos, juros, custódia, documentação, propriedade, interação na web, games, arte, cadeias de suprimento de grandes empresas”, afirmou a representante da Fox Bit.

As vantagens do uso dessas moedas digitais estão sendo utilizadas principalmente por especialistas da economia, tendo em vista que o mercado pode trazer benefícios tanto para os dois lados da moeda, tanto para o consumidor quanto para o varejista. A tendência é que seu uso seja promissor para os próximos anos “Tudo isso pode beneficiar muito a economia e nossa vida em outros aspectos”, disse, Karen.

O relatório da Sherlock Communications, levou em consideração as recentes atualizações regulatórias que afetam a adoção do ecossistema cripto na região e é uma fonte de informações atualizadas sobre questões como regulamentação e tributação, os estudos também visou apresentar uma visão geral dos principais participantes, bem como taxas de adoção e outros dados específicos do país.

Empresas poderão renegociar dívidas com o Fisco com 70% de desconto

A partir de 1º de setembro, os contribuintes com grandes dívidas com a Receita Federal poderão renegociar os débitos com até 70% de desconto. A Receita Federal publicou hoje (12) a portaria que aumentará os benefícios para quem quer parcelar até R$ 1,4 trilhão em dívidas tributárias que ainda não estão sob contestação judicial.

A portaria estendeu à Receita Federal a modalidade de renegociação chamada de transação tributária, mecanismo criado em 2020 para facilitar o parcelamento de dívidas de empresas afetadas pela pandemia da covid-19. Até agora, apenas a Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN), órgão que cobra na Justiça as dívidas com o governo, concedia essa possibilidade com regularidade. A Receita lançava negociações nesse modelo, mas em casos especiais.

A ampliação da transação tributária havia sido anunciada na terça-feira (9) pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, em evento com empresários do setor de bares e restaurantes. Na ocasião, ele disse que setores como o comércio, o serviço e o de eventos teriam as mesmas facilidades para renegociarem débitos como outros segmentos afetados pela pandemia.

A extensão da transação tributária à Receita Federal foi autorizada pela Lei 14.375/2022, sancionada em junho pelo presidente Jair Bolsonaro. Com a portaria que regulamentou a lei, a Receita poderá lançar editais especiais de renegociação de dívidas e sugerir acordos com grandes devedores.

Mudanças

Para o público geral, o desconto máximo para a renegociação de dívidas aumentou de 50% para 65%, sendo que para empresas (de todos os tamanhos), microempreendedores individuais (MEI), micro e pequenas empresas do Simples Nacional e Santas Casas de Misericórdia, o desconto poderá ser de até 70%.

O prazo de parcelamento também foi ampliado. Para o público geral, passou de 84 meses (7 anos) para 120 meses (10 anos). Para empresas, MEI, micro e pequenas empresas do Simples Nacional e Santas Casas de Misericórdia, o prazo poderá estender-se por até 145 meses (12 anos e 1 mês). Apenas o parcelamento das contribuições sociais foi mantido em 60 meses porque o prazo é determinado pela Constituição.

Os devedores de impostos ainda não inscritos em dívida ativa poderão apresentar proposta individual de transação ao Fisco. Mesmo os que questionam o débito na esfera administrativa ou que tiveram decisão administrativa definitiva desfavorável.

Por enquanto, somente contribuintes que devam mais de R$ 10 milhões ao Fisco poderão apresentar a proposta individual a partir de setembro. Nas próximas semanas, a Receita deverá publicar um edital para a transação tributária de dívidas de pequeno valor.

A Receita definirá o tamanho dos benefícios conforme a capacidade de pagamento do contribuinte. Quem tiver mais dificuldades de pagamento terá descontos maiores e prazos mais longos.

Abatimentos e amortizações

As empresas poderão usar os prejuízos fiscais do Imposto de Renda Pessoa Jurídica (IRPJ) e a base de cálculo negativa da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) para abater em até 70% o saldo remanescente da dívida após os descontos. Normalmente, as empresas que têm prejuízo podem abater parte do IRPJ e da CSLL no pagamento dos dois tributos nos anos em que registram lucros.

A portaria permite ainda que precatórios a receber (dívidas do governo com contribuintes reconhecidas definitivamente pela Justiça) ou direito creditório, determinados por sentenças transitadas em julgado (a qual não cabem mais recursos judiciais), podem amortizar a dívida tributária, tanto a parcela principal, como a multa e os juros.

Público alvo

A transação individual destina-se aos seguintes contribuintes:

– pagador de imposto com contencioso administrativo fiscal de mais de R$ 10 milhões;
– devedores falidos, em recuperação judicial ou extrajudicial, em liquidação judicial ou extrajudicial ou em intervenção extrajudicial;
– autarquias, fundações e empresas públicas federais;
– estados, Distrito Federal e municípios e respectivas entidades de direito público da administração indireta.

Benefícios

Descontos máximos
– passaram de 50% para 65% para público em geral;
– até 70% para empresas, MEI, micro e pequenas empresas do Simples Nacional e Santas Casas de Misericórdia.

Prazos
– número de parcelas sobe de 84 para 120 meses para público em geral;
– até 145 parcelas para empresas, MEI, micro e pequenas empresas do Simples Nacional e Santas Casas de Misericórdia.

Abatimentos
– prejuízo fiscal do IRPJ e da base de cálculo negativa da CSLL poderão ser usados para abater em até 70% o saldo remanescente após os descontos;
– precatórios e demais dívidas do governo com o contribuinte transitadas em julgado poderão amortizar o valor principal, a multa e os juros da dívida tributária.

(Agência Brasil)

Diretora de Criação e Conteúdo dos Estúdios Globo participa do MaxiModa 2022 em debate sobre comunicação e inovação

Um dos principais eventos de negócios de moda da região Nordeste, o MaxiModa, seminário pioneiro de business, moda e comunicação, chega à 14ª edição em 2022. Entre as personalidades renomadas confirmadas para o evento, está a diretora da área de criação e conteúdo dos Estúdios Globo, Samantha Almeida. Conhecida pelas principais lideranças de comunicação, inovação e criatividade do país, Samantha é responsável por fomentar a criação do entretenimento e pela gestão das equipes de autores, pesquisadores e produtores da emissora.

Em 2020, Samantha foi uma das homenageadas do Women to Watch. No mesmo ano, a profissional foi eleita, pelo MIPAD, organização parceira da ONU e African Union, como uma das 100 mais influentes afrodescendentes abaixo de 40 anos do mundo, por colaborações no mercado de comunicação brasileiro. Em 2021, ela foi representante do Brasil no júri de Cannes na categoria Entretenimento. Ainda no mesmo ano, Samantha foi vencedora na categoria Profissional de Inovação do Caboré, prêmio mais importante do mercado publicitário brasileiro.

A profissional, bacharel em Desenho de Moda e pós-graduada em Administração & Varejo, foi líder de comunicação por 15 anos, com passagens por Avon Brasil, The Estée Lauder Companies, Trifil & Scala e Levi Strauss Co, com reconhecimento por campanhas pautadas em diversidade de raça, classe e igualdade de gênero.

Com vasta experiência, Samantha já atuou como diretora de planejamento no Twitter Next do Brasil, área que atua nas soluções locais e globais em parceria com anunciantes para o desenvolvimento de estratégias e campanhas criativas. Samantha também ocupou o cargo de Head of Content & Digital Strategy na Ogilvy Brasil, do grupo WPP, liderando o Content Studios, núcleo responsável pelo gerenciamento estratégico de plataformas sociais para marcas. Anteriormente, no grupo Music2Mynd, liderou um time multifuncional criativo de 60 profissionais como diretora de planejamento, cultura e inovação digital.

Palestrantes

Além de Samantha Almeida, que abordará o tema ‘Comunicação na transformação de negócios’, estarão presentes Taciana Abreu, head de Sustentabilidade do Grupo Soma, abordando o tema ‘ESG na moda’; Isa Domingues, idealizadora do Provador Live, na ocasião, a influenciadora fala sobre ‘O novo consumo digital’. Para finalizar, a designer Celina Hissa, fundadora e diretora criativa da marca Catarina Mina, discorre sobre os ‘12 anos de transparência radical’.

O evento retorna com o tema “MaxiModa: ao vivo de novo”, no próximo dia 26 de agosto, no Teatro RioMar Fortaleza. Voltado para empresários, formadores de opinião, lojistas, profissionais e estudantes dos segmentos de moda, varejo, comunicação e administração, empreendedores e visionários em diversos negócios locais, o MaxiModa 2022 está com ingressos disponíveis no site https://bit.ly/3deRXhY

Sobre o MaxiModa

Criado em 2008 por Márcia Travessoni, o MaxiModa valoriza as iniciativas de marketing, com foco no mercado de moda, varejo, negócios, beneficiamento e serviços afins. O evento anual realiza um ciclo de palestras, apresentadas no decorrer de um dia de encontro, reunindo cases de sucesso de diversos representantes da indústria da moda e do varejo nacional. Desde 2016, o evento é realizado no Teatro do Shopping RioMar Fortaleza, ampliando o público para cerca de 700 a 800 pessoas.

MaxiModa 2022 tem patrocínio de Unifor, Fiec, Piraquê, Boana Jeans, YSSA marketing de moda, Tintas Iquine, La Clofit, DLT, Deep, Naturágua e Natucoco; e apoio de RioMar Fortaleza, Jangadeirotêxtil, Grupo Marquise, Hotel Gran Marquise, T-shirt In Box, Mercadinhos São Luiz, Capuchino Press, Grupo UrbMidia, Eletromidia Ceará e 3corações.

Serviço

MaxiModa 2022 – Ao vivo de novo

Local: Teatro do Shopping RioMar Fortaleza (Rua Des. Lauro Nogueira, 1500 – Papicu)

Data: 26 de agosto

Ingressos: https://bit.ly/3deRXhY

Lixo Eletrônico em condomínios: saiba por que é importante descartar corretamente

O aumento do volume de resíduos sólidos gerado no Brasil levou o país a ocupar o quinto lugar na lista de maiores produtores de e-lixo no mundo. Anualmente, são cerca de 1,5 milhão de toneladas de lixo eletrônico descartado, segundo a estimativa da Plataforma para Aceleração da Economia Circular (Pace), sendo que apenas 3% do material coletado tem um destino correto.

Cada vez mais necessário, o descarte correto de resíduos eletrônicos – como celulares, fones, baterias, pilhas, notebooks, tablets, mouse, teclado e fios – garante a destinação de itens que não são mais utilizados, ao mesmo tempo em que reduz o impacto ambiental.

“Muita gente não sabe onde e qual a maneira correta de descartar esses materiais e acabam muitas vezes guardando em casa ou então fazendo o descarte inadequado. Nesse sentido, é importante atuar na conscientização de moradores de condomínios e implantar espaços para a coleta desses materiais ou indicar locais que recebam lixo eletrônico”, comenta o síndico Mauro Cavalcante.

No condomínio gerenciado por ele há um espaço destinado a receber componentes que são nocivos ao meio ambiente, como baterias e pilhas. O objetivo é garantir que estes itens sejam separados do lixo comum ou orgânico e tenham um destino correto.

Para o presidente da Associação das Administradoras de Condomínios do Estado do Ceará (Adconce), Marcus Melo, se torna cada vez mais importante a criação de pontos de coleta desses materiais dentro dos condomínios.

“O descarte correto de lixo eletrônico, e até mesmo de materiais recicláveis, é sempre defendido como um dos pontos essenciais para uma gestão mais sustentável e consciente dos condomínios. Atitudes como essa ajudam até aqueles vizinhos mais ocupados ou esquecidos, que poderão deixar esse tipo de lixo em um local seguro. Isso gera benefício para todos”, afirma Marcus Melo.

Neuropsicocentro (NPC) conquista 1º lugar de melhor empresa para trabalhar do Brasil no GPTW Saúde 2022

O Neuropsicocentro (NPC), clínica multidisciplinar especializada no atendimento a autistas em Fortaleza, conquistou o 1º lugar nacional na categoria Saúde – Clínicas de Pequeno Porte – no ranking GPTW 2022 – Great Place do Work. Referência nas regiões Norte e Nordeste, a clínica cearense obteve nota 9.3 na avaliação feita pelos próprios colaboradores, o que garantiu o primeiro lugar geral do Brasil. Para as diretoras do NPC, Clarissa Leão e Silviane Andrade, o prêmio é um reconhecimento ao cuidado prestado no dia a dia, motivo de orgulho e gratidão. 

O Great Place to Work (GPTW) é uma consultoria mundial que reconhece e certifica as empresas com as melhores práticas de gestão de pessoas e os melhores ambientes de trabalho mensurados por meio da avaliação dos próprios colaboradores. O selo GPTW está presente em 100 países, analisa mais de 7000 empresas anualmente, o que corresponde a mais de 12 milhões de funcionários impactados no mundo.

Sobre o Neuropsicocentro 

Atualmente, o Neuropsicocentro conta com 150 profissionais e colaboradores que trabalham em diversas áreas para acolher cerca de 1.000 crianças autistas e seus responsáveis. São Psicólogos, Fonoaudiólogos, Terapeutas Ocupacionais, Psicomotricistas, Recepcionistas e equipe de manobristas que garantem a qualidade na realização de uma média de 15 mil atendimentos por mês. 

Criado em 2008 pelas psicólogas Silviane Andrade e Clarissa Leão, o Neuropsicocentro (NPC) é pioneiro no estado do Ceará no desenvolvimento de programas de tratamentos especializados para autistas, orientação através da psicoeducação, diagnóstico e suporte terapêutico. Junto à sua segunda sede, NPC Life, a clínica atua nas áreas de Psicologia, Supervisão ABA, Neuropsicologia, Psicopedagogia, Psicomotricidade Relacional, Fonoaudiologia, Terapia Ocupacional e Psiquiatria. 

Últimos dias para conferir a exposição Clássico-Rei no Shopping Benfica

A exposição Clássico-Rei segue até dia 14 de agosto no Shopping Benfica. Com cerca de 40 itens exclusivos de colecionadores do Ceará e Fortaleza, a mostra tem o objetivo de mostrar ao público, a partir desse acervo, a trajetória vitoriosa de cada time e reforçar que a rivalidade entre eles fica apenas nas quatro linhas. Os torcedores do vozão vão ter a chance de ver de perto camisas oficiais e históricas, além de taças exclusivas cedidas pelo time alvinegro. Já os tricolores vão poder conferir faixas de campeão e diversas camisas oficiais datadas a partir da década de 1970.

E os torcedores do Leão têm um motivo a mais para visitar a exposição neste final de semana. No sábado e domingo, das 12h às 18h, o local vai contar com atendimento aos sócios torcedores do Fortaleza Esporte Clube, com direito a sorteio de brindes. Além disso, no sábado, os mascotes do clube marcam presença na mostra Clássico-Rei. Os tricolores podem interagir e fazer fotos com o Juba e a Estela das 16h às 17h30. 

Serviço

Exposição Clássico-Rei no Shopping Benfica (Av. Carapinima, 2200, Benfica)

Período: até domingo (14 de agosto)

Horário: 12h às 18h

Local: 1º Piso

Mais informações: Informações: www.shoppingbenfica.com.br 

Atendimento sócio torcedor do Fortaleza 

Período: sábado e domingo (13 e 14/08)

Horário: 12h às 18h

JUBA e a ESTELA na Exposição

Dia: Sábado (13/08)  

Horário: 16h às 17h30

Shopping Giga Mall recebe comitiva de empresários do SindConfecções e SindRoupas 

Em período no qual as vendas no setor de vestuário no Ceará apresentaram aumento de quase 40% no primeiro semestre, os presidentes do SindConfecções, Daniel Gomes, e do SindRoupas, Paulo Alexandre de Sousa, e o seu vice-presidente, Aluísio Ramalho Filho, participaram de encontro com o superintendente do Giga Mall, Regis Tavares, para fortalecimento de parcerias. 

Para Tavares, o novo shopping de atacado de moda, que será entregue em 2023, é uma oportunidade para elevar o Ceará no ranking dos polos de produção de roupas no país. O Estado, que já chegou a figurar como o segundo lugar, hoje ocupa a sexta posição. Durante o encontro, Regis apresentou a estrutura do novo espaço aos representantes das entidades. 

Giga Mall  

Com 70 mil metros quadrados de área construída, o shopping de atacado Giga Mall contará com mais de 1.000 lojas, vendendo o melhor do atacado de moda. O subsolo do empreendimento contará com um terminal rodoviário com vagas exclusivas para ônibus – o maior de Fortaleza, dois andares serão de lojas climatizados com ar-condicionado e praças de alimentação, dois andares de estacionamento para automóveis, e um andar empresarial, com espaço compartilhado para operações corporativas, com salas destinadas a escritórios, consultórios, clínicas e coworking. 

Instituto Unimed Fortaleza divulga lista de artistas selecionados na 1ª edição do BicicletArte

O Instituto Unimed Fortaleza divulga a lista dos selecionados que irão participar do BicicletArte, ação que faz parte do Movimento Saúde na Cidade. Foram escolhidos 10 artistas visuais de Fortaleza que entregaram projetos conforme critérios do regulamento e curadoria técnica da Acidum Project e Instituto Unimed Fortaleza.

Os eleitos irão realizar intervenções artísticas em 30 bicicletas que compõem o sistema de mobilidade de Fortaleza, o “Bicicletar”, e as artes serão exibidas na capital cearense. O processo de pintura começa no dia 16 de agosto e os artistas terão todo o suporte para que o projeto seja desenvolvido.

O BicicletArte é uma realização do Instituto Unimed Fortaleza, Secretaria Especial da Cultura e Ministério do Turismo, por meio da Lei de Incentivo à Cultura, com patrocínio da Unimed Fortaleza, apoio da Prefeitura de Fortaleza e da Serttel. A curadoria e avaliação técnica estão sob cuidados do Acidum Project e a produção pela Ato Marketing Cultural.

Artistas visuais selecionados

Alexsandra Ribeiro, Amanda Nunes, Concha Arte, Jyubee, Jr Zapata, Marta Brizeno, Miguel Naturê, Neto Sousa, Pirata Hemfil, Rafael Limaverde. A lista completa dos artistas também está disponível no Instagram da Unimed Fortaleza (@unimedfortaleza).

Unimed Fortaleza e a cidade

O BicicletArte é mais uma ativação do Movimento Saúde na Cidade, realizado pela Unimed Fortaleza que vem promovendo ocupações de espaços públicos em Fortaleza, estimulando a prática de hábitos saudáveis à população fortalezense. Além da ação que mistura arte com mobilidade urbana, a cooperativa de saúde está até final de agosto na Beira Mar com o Unimed Movimenta, um espaço para prática de esportes gratuito, e também é parceira em iniciativas municipais e governamentais, por meio de parcerias público-privadas, com os novos postos guarda-vidas na Praia do Futuro e Beira Mar e como patrocinadora do Bicicletar.